O Graal .:. MG

Você não está conectado. Conecte-se ou registre-se

Relato de Hawk para arquivos de Navarre sobre o caso da "imperatriz" Sarah:

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo  Mensagem [Página 1 de 1]

hawkthief


Membro
Membro
Um dia como qualquer outro começa, "devo estar chegando por volta do meio-dia de hoje" eram as palavras contidas na carta que eu lia, um de meu subordinados e grande amigo estava a minha procura já que eu tinha sumido no incidente da montanha amaldiçoada. Ao chegar o remetente da carta corre em minha direção e me abraça quase me sufocando, "eu achei que você tinha morrido" era o que ele dizia, o futuro líder de Navarre nunca morreria para um montanhazinha amaldiçoada, depois disso foi organizado um torneio para acalmar os ânimos dos poucos presentes no pequeno vilarejo, no dia anterior o prefeito tinha sido assassinado como consta em outro relato, o torneio não durou muito e no final eu acabei perdendo para o Redeagle. Depois fui informado de um corvo com a seguinte mensagem "os mortos avançam" e Faëlon me explicou seu plano em relação ao assunto e logo depois, tomado pela frustração desferiu um soco com seu escudo deixando duas marcas na parede, algum tempo depois eu vi um grupo conversando com um ferido na rua e quando me aproximei para ajudar fui atacado, MAS QUE PORRA FOI AQUELA? POR QUÊ UM MENDIGO MALDITO ME ATACARIA ASSIM DO NADA? Bem, pelo o que eu entendi eu acordei como carniçal controlado pela sarah, ajudei na captura de Faëlon e o torturei no processo, fui hipnotizado por uma magia de teleporte e acabei amarrado perto de uma ponte junto com Faëlon, pelo menos isso foi o que o próprio faëlon me disse pois quando eu acordei eu estava gritando meu próprio nome enquanto Sarah, o Redeagle e mais um myunen gritavam coisas que eu não entendi, não hesitei em simular um desmaio pra que eles parassem de gritar, quando percebi que estava amarrado comecei a me soltar enquanto analizava a situação: eu e Faëlon estávamos amarrados, eu cheirava a morto-vivo, e ele estava gravemente ferido, deduzi obviamente que eu estava sendo mantido como prisioneiro da garota e usei minhas poções de invisibilidade para libertar a mim e ao Faëlon, ainda amaldiçoado não foi difícil passar por sarah despercebido pois ela estava distraída e eu entreguei minha ultima dose de poção a um myunen que estava na barreira que tratou logo de entregar a poção a um clérigo que partiu para ajudar Faëlon, logo que retornei uma elfa azuli, conhecida de vanshir, me transformou de volta a minha forma mundana, ao ver que o general myunen havia retornado ao campo de batalha, pus em prática meu plano, peguei o item que faelon tinha que o mantinha imortal e segui pela lateral da ponte no intuito de retirar o cajado que mantinha a magia de Sarah ativa, me parece que eu não representava perigo a ela pois de início não fio ordenado nenhum ataque porém quando ela percebeu meus planos já era tarde demais, eu estava imortal e ela sem magia, devolvi o item para Faëlon e começamos a perseguir Sarah que nesse momento estava fugindo desesperadamente, alcançamos ela e eu retirei o coelho de pelúcia das mão dela conforme foi solicitado por Faëlon, descobri que a pelúcia tinha propriedades mágicas mas ele foi exorcizado por Thingol antes que o espírito pudesse me dominar, depois do ocorrido a garota não mostrava memórias dos últimos dois anos que aparentemente foram destruídas juntamente com o espírito que a dominava, depois disso nós retornamos para o vilarejo, aguardo por uma mensageira de Navarre (que por um acaso é minha parceira) com um item importante que me deve ser entregue porém mais importante que o item é que ela chegue sã e salva até o vilarejo, por agora eu aguardo pacientemente enquanto desfruto de uma boa maçã.

Hawk - .N.

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo  Mensagem [Página 1 de 1]

Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum